(11) 5573-8735 / 5573-5528 / 5083-3491 sbd-resp@sbd-sp.org.br

Ação combinada da radiação UVA e da luz visível pode ser prejudicial para a pele, mesmo para quem usa filtro solar

Embora nos últimos anos as pessoas tenham passado a usar filtros solares que protegem contra a radiação UVB e UVA, a incidência de câncer de pele na população continua elevada. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, o câncer de pele responde por 33% de todos os diagnósticos desta doença no Brasil, sendo que o Instituto Nacional do Câncer (Inca) registra a cada ano cerca de 180 mil novos casos. Na Austrália, apesar da campanha massiva para promover o uso de protetores solares, a incidência de melanoma invasivo aumentou 13% na população suscetível com idade inferior a 30 anos, segundo…

LEIA MAIS

Transplante de pele doada pela irmã gêmea cura mulher com feridas nas costas causadas por câncer

As irmãs gêmeas americanas de 66 anos Marian e Mary Jane Fields, do Missouri, nos Estados Unidos, viveram juntas a vida inteira –e agora estão ainda mais próximas ao dividir a mesma pele. Marian Fields teve um tipo agressivo e muito raro de câncer de pele que a deixou com feridas grandes e abertas em volta da coluna depois de várias operações e tratamentos com radiação. Ela estava começando a perder as esperanças em uma possível recuperação após cirurgiões plásticos americanos se negarem a tratar seu caso por causa do tamanho da ferida. Até que sua irmã gêmea Mary Jane…

LEIA MAIS

Medicamentos ativam células dormentes dos folículos capilares promovendo o crescimento de pelo em ratos

Cientistas da Universidade da Califórnia encontraram uma nova maneira de fazer cabelo crescer, graças a duas drogas experimentais, RCGD423 e UK5099. Ratos que foram tratados com elas recuperaram o crescimento de pelos no corpo – o que pode ser uma luz no fim do túnel para quem sofre com o fato de ter pouca telha. Esse efeito se dá porque as drogas conseguem ativar as células dormentes dos folículos capilares. A dormência, aliás, é o estado preferido das células-tronco dos cabelos. Ao contrário do que acontece em órgãos e tecidos, onde as células estão em atividade constante, as da cabeleira…

LEIA MAIS

Novos medicamentos de imunoterapia fazem cabelo grisalho escurecer

Os cabelos grisalhos de pacientes com câncer inesperadamente voltaram a escurecer enquanto tomavam novos medicamentos contra a doença, de acordo com estudo espanhol. A quimioterapia é conhecida por fazer o cabelo cair. Quatorze pacientes, no entanto, receberam novos medicamentos de imunoterapia — Keytruda, Opdivo e Tecentriq –, tratamento que funciona de forma diferente e tem outros efeitos colaterais. A pesquisa sugere que, além de tratar o câncer, as drogas podem ajudar na recuperação do pigmento dos fios. “Pensamos que poderia ser um caso isolado…

LEIA MAIS

Procura por procedimentos estéticos não cirúrgicos aumentou 390% nos últimos dois anos

Nos últimos dois anos, a procura por procedimentos estéticos não cirúrgicos aumentou 390%. Entre os cirúrgicos, as operações com fins reconstrutores subiram 23%, enquanto as cirurgias com fins estéticos, apenas 8%. Os dados são do Censo 2016 da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), que entrevistou 1.218 associados, de todas as regiões do país. Para Luciano Chaves, presidente da SBCP, o aumento pela procura de procedimentos não cirúrgicos – em 2014, representavam apenas 17,4% da fatia de procedimentos estéticos realizados pelos cirurgiões plásticos e em 2016 passou a ocupar 47,5% da agenda de especialistas – pode ser associada aos seguintes fatores: pessoas mais jovens, que não procuravam cirurgias, estão procurando procedimentos menos…

LEIA MAIS

Pessoas com herpes-zóster correm mais risco de sofrer infarto e AVC

Com o envelhecimento, as células de defesa em geral deixam de proteger o corpo com eficiência máxima. Essa queda na imunidade é um prato cheio para o herpes-zóster, condição causada pela reativação do vírus da catapora e que provoca dores intensas. Agora, um estudo da Universidade de Ulsan, na Coreia do Sul, aponta que a doença está relacionada a um aumento no risco de ataques cardíacos e derrames. Ao total, 519 880 participantes foram acompanhados durante dez anos, sendo que 23 233 apresentaram o problema. Segundo os pesquisadores, o risco de esse grupo sofrer uma parada no coração ou ter um AVC foi 35 e 41% maior, respectivamente. Esses números…

LEIA MAIS

Curso “Hipoderme: Segredos e Fronteiras”, parceria entre a SBD-SP e a UMC

Coordenação: Denise Steiner e Aldo Toschi O Grupo de Estudos sobre Gordura Cutânea da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Regional SP e o Serviço de Dermatologia da Universidade de Mogi das Cruzes – UMC, convidam para o curso “Hipoderme: Segredos e Fronteiras”, onde serão apresentados temas desde a fisiopatologia do tecido gorduroso e seu metabolismo até tratamentos para celulite, gordura localizada, lipoenxertia, criolipólise, ultrassom, preenchimento com gordura, laserlipólise robótica e quimiolipólise com ácido deoxicólico. Durante todo o dia serão intercaladas conferências teóricas com demonstrações praticas promovendo a interatividade. Organização:  Serviço de Dermatologia da Universidade de Mogi das Cruzes…

LEIA MAIS

SOBRE A SBD-SP

A Sociedade Brasileira de Dermatologia – Regional São Paulo é uma entidade sem fins lucrativos fundada em 1970 para fomentar a pesquisa, o ensino e o aprimoramento científico da dermatologia como especialidade médica. Reúne, atualmente, mais de 2500 associados.

CONTATOS

Endereço: Rua Machado Bittencourt,
361 / cjs 1307 a 1312
Vl. Clementino – São Paulo-SP
CEP: 04044-001
E-mail: sbd-resp@sbd-sp.org.br
Tel/Fax: (11) 5573-8735, 5573-5528, 5083-3491

SEJA UM ASSOCIADO